Cursos de Ciências Sociais Aplicadas da Unesc preparam intensa programação para Jornada Acadêmica

Evento será realizado de forma virtual entre os dias 27 e 31 de junho (Foto: Divulgação)

As últimas semanas, assim como os últimos meses, tem sido de intensa mobilização entre acadêmicos da Unesc. Isso porque as atividades nas disciplinas de cada curso continuam em andamento mediadas por tecnologia e exigem ainda mais dedicação e disciplina dos estudantes. Além dos conteúdos programados, os alunos se envolvem, mesmo em tempos de pandemia, na organização de eventos de cunho acadêmico como forma de complementar os estudos tradicionais de sala de aula, mesmo as virtuais, neste caso. A partir da próxima semana quem protagoniza o evento acadêmico da Universidade são os cursos da chamada área das Ciências Sociais Aplicadas.

Levantando a temática “Futuro da Gestão Pública e Privada nos novos Tempos” o evento será realizado, de 27 a 31 de julho, 100% de forma virtual com transmissão de palestras e mesas redondas por meio do canal Unesc TV no Youtube. Protagonizado pelos próprios estudantes, o trabalho de montagem da programação segue em ritmo acelerado para os últimos ajustes de um evento que promete entrar para a história dos cursos, tamanho o desafio de fazer o primeiro evento da área de forma remota. As inscrições já estão abertas pela plataforma Doity (https://doity.com.br/jornada-integrada-das-ciencias-sociais-aplicadas) e os interessados podem acompanhar as novidades pelo perfil @jornadaintegradacsa.

Entre os envolvidos na busca das melhores e mais atuais temáticas e dos profissionais dispostos a compartilhar conhecimento na Jornada está a acadêmica da quinta fase do curso de Administração em Comércio Exterior, Gabrielle Cardoso Machado. Conforme a estudante, um grupo de acadêmicos de cada curso está engajado na preparação de conteúdos relevantes e de qualidade para compartilhar com os colegas e com a comunidade externa. “São representantes de cada um dos cursos, Administração de Empresas, Administração com Habilitação em Comércio Exterior, Ciências contábeis, Ciências econômicas, Direito, Gestão em Recursos Humanos e Processos Gerenciais, unidos para trazer o melhor em cada temática”, salientou.

Programação com diferentes focos

Ainda em formação, a programação da Jornada já conta com algumas temáticas e alguns participantes confirmados. Entre as confirmações está a mesa redonda sobre “Reflexões e desafios sobre o mercado internacional: Uma leitura dos impactos da pandemia” na noite de quarta-feira (29/7).

O grupo de profissionais participantes é formado pela administradora habilitada em Comércio Exterior Bruna Martins Silva, que atua como inside sales e business developer no âmbito internacional; o administrador habilitado em Comércio Exterior e monitor do Núcleo Operacional PEIEX Criciúma, membro do Grupo de Pesquisa GENINT – Unesc, Valdir Scarduelli Neto; e a Graduada em Relações Internacionais pela Unisul e Business Administration pela Florida Atlantic University e Especialista de Comércio Exterior e Negócios Internacionais pela FGV, Mariana Wajsman Nedeff.

Na quinta-feira (30/7) a Mesa Redonda levantará a temática “Recuperação econômica no cenário nacional e mundial no âmbito privado” por meio do debate entre o economista Formado em Economia Empresarial e Controladoria pela Universidade de São Paulo, Caio Augusto; o economista, consultor e colunista da CBN Recife, Ecio Costa e o economista Chefe da Nova Futura Investimentos, Mestre e Doutor em Economia pela FGV, Pedro Silveira.

No último dia de evento, sexta-feira (30/7), dessa vez pela manhã, às 10h, o assunto será “Gestão de Pessoas nos Novos Tempos – relacionando inteligência Emocional e as soft Skills, premissas para os futuros profissionais nas organizações”. O tema será abordado pelo Diretor da VP de Inovação e Desenvolvimento da Associação Brasileira de Recursos Humanos (ABRH), Nelson Bittencourt.

À noite, às 20h, o encerramento da Jornada será ministrado pelo vereador da cidade de Mogi das Cruzes, Caio Cunha, sobre “O jovem, a transformação e o engajamento: eles ocupam a cidade em tempos de excepcionalidade”. Cunha tem formação na área de Tecnologia da Informação, é pós-graduando em Gestão de Projetos pela Esalq/USP e mestrando em Cidades Inteligentes e Sustentáveis. Cursou “Educação na Primeira Infancia” e “Combate as Drogas” como bolsista na Universidade de Zurique, na Suíça. Faz parte da RAPS, Livres e é Líder Público Lemann.

Fonte:Assessoria de Imprensa Unesc