RESSACA NO MAR INVADE CALÇADAS, RUAS E CASAS NO ARROIO

Um ciclone extratropical de baixa pressão, que se formou na quarta-feira, 1, nas proximidades do litoral do Uruguai e Sul do Brasil, chegou na noite de sexta-feira, 03, na costa sul catarinense.

No Balneário Arroio do Silva ele provocou ressaca no mar e a maré alta invadiu as entradas de praias, onde não haviam dunas, algumas casas, praça central(arrancando lajotas do calçadão) e trazendo muita vegetação marinha nas próximas à beira mar, como Roseno Pereira no lado sul e Leonardelli e Avenida Beira Mar no lado norte. A Secretaria de Obras realizou um mutirão, contando com a equipe de servidores que usaram máquinas e caminhões para limpar os locais públicos e desobstruir algumas entradas que ficaram trancadas com troncos de árvores que veio junto com a maré.

Ciclone

De acordo com os meteorologistas, esse sistema de baixa pressão é a primeira tempestade da temporada outono-inverno no Atlântico Sul e traz ventos forte e chuva ao sul e sudeste do país. Além disso, são esperadas agitação marítima e ressacas moderadas a fortes no litoral. Esta região de geração de ciclones é principalmente ativa durante o inverno, quando os gradientes horizontais de temperatura são intensificados no Hemisfério Sul e contribuem para o aumento da instabilidade baroclínica, que é considerada o principal mecanismo de formação de ondas frontais que são origem aos ciclones extratropicais.

Fotos: Jorge Pimentel  fonte: O tempo.com