Semana Integrada de Educação da Unesc coloca em evidência as transformações do ensino

Evento abordará percepções e vivências a partir da pandemia (Imagem: Divulgação)

 

As transformações do ensino evidenciadas pela pandemia serão ferramentas de diálogo na Semana Integrada de Educação da Unesc. Iniciativa dos CAs (Centros Acadêmicos) de Licenciaturas, o evento é gratuito e será transmitido pela Unesc TV. Nesta terça-feira (16/6), às 19h30, a abertura será conduzida pela reitora da Universidade, professora doutora Luciane Bisognin Ceretta, seguida de palestra concedida pela professora doutora Jaqueline Moll, com mediação do estudante Denis Moraes.

Segundo a presidente da comissão organizadora, Francine Nazário, a proposta dos estudantes tem relação com a situação provocada pela pandemia, que acelerou mudanças em questões educacionais. “Ao ver como tudo que aconteceu, principalmente em relação ao distanciamento social, todos os setores receberam grande impacto. Na educação não foi diferente. Em uma leitura do cenário, percebemos o quanto é necessário pensar em uma nova configuração de aprendizagem, e ressignificar espaços, visões e o que conhecíamos até então como aprendizado”, afirma.

Outros fatores que levaram ao interesse pelo debate, conforme a presidente, são a desacomodação por parte dos professores, que buscam se reinventar e se tornam cada vez mais mediadores do conhecimento, e o protagonismo por parte dos alunos, com um papel cada vez mais importante no processo de aprendizagem. Estes fatos deram origem à temática da Jornada: Autonomia e protagonismo na educação.

Nas palavras do diretor de Ensino e Graduação, professor Marcelo Feldhaus, trazer essa temática para a pauta da formação de professores, aproximando universidade e comunidade, tem extrema relevância. “Reitero ainda que esse evento tem o protagonismo discente. São os nossos estudantes dos cursos de licenciatura, representados pelos líderes dos seus centros acadêmicos, que apresentaram a proposta à Universidade. Isso produz muito significado. Uma de nossas premissas na formação é a autonomia e o protagonismo do estudante, em um mundo volátil, complexo e dinâmico. Debater temas com diferentes convidados, vindos de outros países, é uma oportunidade que nos convoca à reflexão e ao debate qualificado. A aproximação entre Universidade, secretarias municipais e estadual de Educação é outro elemento distinto e rico que a Jornada propiciará”, frisa.

Conforme Francine, para cumprir o papel de educador, a partir de agora o docente terá que, mais do que nunca, desenvolver competências, de pró-atividade, capacidade de se planejar rapidamente, e ter sempre a inovação como norte. “A tecnologia vem para contribuir. Apesar de ser um movimento presente em diversas instituições, não esperávamos algo tão abrupto e de tão rápida necessidade, e que nos traz um novo olhar e possibilidades do processo formativo. É inevitável”, completa.

Programação já conta com grandes nomes confirmados

Em nove momentos, o evento trará professores de destaque nacional e internacional, com as principais palestras marcadas para a noite. São nomes como a professora Jaqueline Moll, que tem experiência atuando no MEC (Ministério da Educação) e é idealizadora de importantes iniciativas como o Programa Mais Educação; o professor José Pacheco, de Portugal, idealizador da Escola da Ponte, modelo de referência mundial, e Glória Jové Monclús, professora da Universidade de Leida, na Espanha.

Para o evento, foram convidadas escolas e instituições de ensino de Criciúma e região. Os que desejam acompanhar o evento nas salas do Google Meet e ter todos os benefícios como os certificados de participação devem realizar uma inscrição prévia. Caso contrário, os eventos estarão ao vivo na Unesc TV. Saiba mais clicando aqui.

https://www.sympla.com.br/i-semana-integrada-da-educacao__875288?qrcode=true

O evento é vinculado à Proacad (Pró-reitoria Acadêmica) e aos cursos de licenciatura da Universidade.

Fonte: Assessoria de Imprensa Unesc

Aicom – Assessoria de Imprensa, Comunicação e Marketing